terça-feira, 13 de setembro de 2022

Bilhonário Robert Bigelow dará um milhão de dólares para quem conseguir comunicar-se com seres falecidos



No início de 2021, o magnata americano Robert Bigelow anunciou um concurso de redação de um milhão de dólares, pedindo estudos científicos sobre a sobrevivência da consciência após a morte. Nas últimas décadas, Bigelow financiou todos os tipos de projetos considerados pseudociência, desde OVNIs ao paranormal, e com este concurso de ensaios (junto com a criação do Instituto Bigelow para Estudos da Consciência, ou BICS), ele declarou que estava tentando foco em um tema de fundamental importância que há muito era ignorado pela comunidade científica.

"Estamos tentando fazer algo em que pensamos e esperamos que seja bom para o trabalho de todos", explicou Bigelow ao jornalista George Knapp. “Tanta gente passou a vida nesse campo e não recebeu muito reconhecimento... não é um campo que atraia muitas pessoas como pesquisadores. Então, estamos tentando agitar o pote e criar alguma emoção."

Agora, começou a segunda fase do apoio de Bigelow à busca de evidências de vida após a morte, com o anúncio do Programa de Bolsas BICS Challenge para 2023 por Robert Bigelow e Colm Kelleher na Associação Internacional para Estudos de Quase-Morte (IANDS) , com mais um milhão de dólares.

Demonstrando a vida além da morte
Embora o primeiro financiamento tenha sido para pesquisadores e escritores resumirem as melhores evidências de uma vida após a morte, o BICS Challenge Grant Program é mais sobre apoiar cientistas e pesquisadores a projetar experimentos e descobrir evidências, novas e convincentes. Atualmente, os milhões de dólares em doações são divididos da seguinte forma, para permitir que vários grupos investiguem diferentes áreas:

12 bolsas de até US$ 50.000 (US$ 600.000)
4 bolsas de até US$ 100.000 (US$ 400.000)


As subvenções serão concedidas apenas para pesquisas que se concentrem na 'sobrevivência da consciência humana além da morte corporal permanente' e se concentrem exclusivamente no 'contato ou comunicação com o 'Outro Lado'. O BICS também prefere que a pesquisa abra novos caminhos.

As propostas preliminares devem ser entregues até 1º de janeiro de 2023, e os candidatos são selecionados para enviar propostas oficiais até 1º de abril. Os bolsistas serão anunciados em 1º de agosto de 2023 e os relatórios finais serão enviados no início de maio de 2024. O programa está aberto a pesquisadores de todo o mundo.

"Se isso for bem-sucedido", observou Bigelow no anúncio do programa, "então passamos para a Fase 3".

E o mais surpreendente de tudo é que a próxima fase pode chegar mais perto de 5 milhões de dólares por ano. Na primeira fase, os pesquisadores deveriam oferecer testes sobre as evidências da sobrevivência da consciência, mas essa nova fase aponta para 'contato' ou 'comunicação' com pessoas falecidas. Ou seja, os pesquisadores terão que trabalhar com mediunidade, canalização, visão remota, escrita automática, regressão hipnótica e sonhos lúcidos.


É claro que críticos e céticos de Bigelow consideram o bilionário um homem irracional e não científico, mas a verdade é que suas próprias experiências no paranormal durante as últimas duas décadas tiveram um efeito significativo sobre ele. De qualquer forma, será interessante ver os pesquisadores apresentando suas propostas para esta segunda fase; Felizmente, veremos alguns experimentos muito interessantes que podem provar de uma vez por todas evidências definitivas de que há vida além da morte, ou talvez que a morte seja apenas o começo.

Será que os pesquisadores vão provar de uma vez por todas que existe vida após a morte?

                                                           Assista o vídeo:

quinta-feira, 1 de setembro de 2022

Fantasma surge antes da demolição do edifício de Mônaco!!Será o fantasma de Pablo Escobar?

 


Fantasma ou não? É o debate que existe nas redes sociais devido ao estranho movimento capturado por uma câmera antes da implosão do prédio Mónaco em Medellín.
É uma luz branca que, ao que parece se move rapidamente de um lado para o outro, segundos antes dos explosivos que transformaram em pó a antiga casa do capo Pablo Escobar Gaviria e sua família.

Os mais crédulos garantem que é o fantasma do capo do Cartel de Medellín que morreu em 2 de dezembro de 1993, no telhado de uma casa no bairro La América, em meio a uma operação do Bloco de Busca.

Outros afirmam que é o espírito de uma das 46.000 pessoas que morreram na guerra às drogas ou que seria uma das vítimas de Escobar Gaviria e seus assassinos.

Para os mais céticos e alguns especialistas paranormais é simplesmente um efeito visual da câmera e da poeira que estava no local devido à carga explosiva e ao abandono em que a estrutura se encontrava.

Até políticos como Fabio Valencia Cossio e a diretora Contra o Crime Organizado, promotora Claudia Carrasquilla, entraram no debate no Twitter.




Outro fantasma?

A verdade é que esta não é a única vez que há suposta atividade paranormal no prédio de Mônaco .

Em março de 2018 um ano antes de ser implodido uma mulher identificada como  María del Mar  enviou uma  imagem do edifício onde segundo algumas pessoas é observado o suposto fantasma de Pablo Escobar, dono da estrutura.

Suposto fantasma de Pablo Escobar em Mônaco. 
Cortesia Maria del Mar

Na imagem pode ver a varanda do que seria o  quarto andar do edifício do Mónaco . Ao lado de uma árvore há uma suposta  silhueta de um homem  que, segundo alguns usuários, é  Pablo Escobar,  pois dizem que ele  tem o cabelo e o bigode  que caracterizavam o  capo superior do Cartel de Medellín .

Mônaco sofreu vários ataques o mais grave que ocorreu em 13 de janeiro de 1988, quando um carro-bomba com 80 quilos de dinamite explodiu do lado de fora do prédio.  Três pessoas morreram e pelo menos dez ficaram feridas. Manuela Escobar, filha de Pablo Escobar, sofreu danos nos ouvidos.

Momento da implosão do edifício Mônaco

Na última sexta-feira, 22 de fevereiro em 3,2 segundos, foi demolido o  edifício Mónaco uma estrutura de seis andares que permaneceu por  30 anos no bairro de Santa María de los Ángeles, em El Poblado , no sul de  Medellín e onde morava com sua família o falecido capo  Pablo Escobar Gaviria.

As ruínas, poeira e escombros daquele prédio permaneceram no terreno que se tornou um símbolo do narcotráfico que durante anos representou o cartel de Medellín. 

O prédio desabou e trouxe lágrimas às centenas de vítimas que durante anos  choraram por seus entes queridos e lutaram para que mais uma história fosse contada  daquele lugar, que sempre representou ruína e dor.


                                          Assista os vídeos:



quarta-feira, 24 de agosto de 2022

A misteriosa ilha de Hashima conhecida como cidade fantasma no Japão

 


 No mar a 14km da cidade de Nagasaki fica a pequena ilha de Hashima, ela também é conhecida como Gunkanjima (軍艦島) que significa navio de guerra devido à sua forma atual. Em 1887 foi descoberta uma jazida de carvão na ilha e então a empresa Mitsubishi comprou a ilha para explorar esse carvão, alguns anos depois a empresa mandou construir edifícios na ilha para os seus trabalhadores habitarem.

 Rapidamente Hashima tornou-se um cidade com com blocos de apartamentos, escolas, mercados, um teatro e um hospital. Depois durante a segunda guerra mundial a ilha viveu um período negro, prisioneiros de guerra vindos da Coreia e da China eram levados para as minas da ilha onde eram obrigados a fazer trabalho esforçado, eles faziam a tarefas mais perigosas e viviam em condições péssimas, passavam fome. Estima-se que milhares desses prisioneiros morreram nas minas devido às más condições, exaustão e fome. A ilha vizinha, chamada de Nakanoshima, foi transformada num crematório onde os corpos eram levados.


 Depois da guerra chegou a era mais próspera da história da cidade, água potável canalizada foi introduzida na ilha em 1957 e isso possibilitou a criação de alguns jardins no telhado de alguns edifícios. Nessa época a cidade chegou a ter 5259 habitantes o que tornava Hashima um dos locais do mundo com maior densidade populacional.
 Mas esses tempos foram breves e poucos anos depois o carvão começou a esgotar-se e o petróleo tornou-se a fonte de energia principal o que levou a uma redução drástica do preço do carvão. Por isso 1974 a Mitsubishi fechou as minas e Hashima foi abandonada.


Olhando para o aspecto desta cidade aparentemente pós-apocalíptica e lembrando o seu passado sombrio, talvez não seja tão surpreendente que Hashima tenha fama de ser assombrada. Há relatos de aparições na ilha, vultos nas janelas dos edifícios ou vagueando nas ruas. Barcos que passam pela ilha às vezes relatam estranhas luzes entre as ruínas ou ruídos inexplicáveis vindos da cidade deserta.  As áreas mais assombradas parecem dentro das minas onde tantos trabalhadores e prisioneiros de guerra morreram. Os visitantes da ilha também relatam a sensação de serem tocados ou acariciados por mãos invisíveis. Embora muito tempo fechado ao público, várias pessoas invadiam secretamente a ilha para acampar por curiosidade. Hashima apareceu no filme Inception  serviu como inspiração para o covil do vilão, Raoul Silva, no filme de James Bond Skyfall.


 Depois de 32 anos a ser degradado pelo tempo, o local em 2009 foi reaberto para visitas, os turistas que queiram conhecer a ilha podem apanhar uma viagem de cinquenta minutos de barco e entrar na ilha. O que sobra na ilha é uma cidade fantasma parada no tempo, os edifícios continuam intactos e muitos objetos foram deixados para trás, uma ilha ideal para um explorador urbano.
 Em 2015 a UNESCO reconheceu a ilha como patrimônio mundial o que reduz a chances de Hashima voltar a ser uma ilha habitada.


 O youtuber Exploring with Josh, que tem um canal em que ele viaja pelo mundo a fazer exploração urbana e visitando vários locais abandonados pôs hoje um vídeo a explorar a ilha, mais concretamente o hospital por isso vale a pena dar uma olhada.

 Em 2013 o Google disponibilizou imagens de StreetView da ilha, com isso fizeram o projeto Hashima Island The Forgotten World um site que aproveita essas imagens da Google para criar uma tour virtual pela cidade, lá mostram os locais como a escola primária, a minha de carvão e o que eles chamam de escada para o inferno e contam a história desses enquanto de fundo ouve-se sons que tornam o clima mais sombrio. Vale a pena explorar a cidade por este site a aprender mais sobre a história da ilha

 Hashima é realmente um lugar único e enigmático, assombrada pelo passado e talvez fantasmas, que permanece ainda parada no tempo enquanto as ondas, a civilização e os anos passam à sua volta. 



                                                           Assista o vídeo:

terça-feira, 23 de agosto de 2022

As Previsões de Baba Vanga!!Duas de cinco profecias se cumprem!

 


O famoso vidente dos Balcãs,  Baba Vanga , antes de morrer fez uma série de profecias sobre o futuro do mundo, muitas das quais se cumpriram uma após a outra com o passar do tempo. A previsão da clarividente cega chegou ao ano 5079. E o mais surpreendente de tudo, ou o mais aterrorizante, é que em 2022 duas de suas previsões ligadas aos problemas climáticos que abalam o mundo já se concretizaram: enchentes e tempestades. secas.

Embora ele tenha falecido em 1996, o legado de Baba Vanga continua vivo através de suas dramáticas profecias que continuam até hoje. Seis meses antes, no início da guerra entre Rússia e Ucrânia, a vidente se tornou viral após sua previsão de que Vladimir Putin se tornaria "rei do mundo" após invadir um país da Europa. Inúmeras profecias cumpridas foram atribuídas a ela, desde a morte de Lady Di até a presidência de Barack Obama, por isso o mundo está extremamente atento às previsões que a vidente antecipou para o ano de 2022.

2 profecias cumpridas

Vanga afirmou que  fortes inundações afetarão várias regiões da Ásia e Austrália este ano , o que coincide com os fenômenos extremos que estão ocorrendo na costa leste do território australiano afetado por chuvas torrenciais e inundações. A segunda previsão da vidente búlgara para 2022 está relacionada com a falta de chuva e a falta de água potável , devido ao facto de o Reino Unido ter emitido recentemente um alerta de seca.

De fato, o Departamento Britânico de Meio Ambiente, Alimentação e Assuntos Rurais anunciou que a Inglaterra tomará medidas drásticas nas áreas mais afetadas do Sudoeste, Sul e Centro e partes do Leste. Nesse cenário delicado, a agência, juntamente com as empresas de abastecimento de água, espera implementar programas para gerenciar o impacto dos baixos níveis de água. Além disso , a Europa também está sentindo os efeitos de uma megaseca.


À medida que os rios da Europa secam no que os cientistas dizem que pode ser a pior seca em 500 anos, os efeitos revelam mistérios há muito escondidos, de acampamentos romanos a cidades fantasmas e naufrágios da Segunda Guerra Mundial. E o aviso não poderia ser mais forte. “Wenn du mich siehst, dann weine”  (Se você me vê, então chore) , diz a inscrição aterrorizante em uma pedra no rio Elba, perto da cidade de Děčín, no norte da República Tcheca, perto da fronteira com a Alemanha. A chamada "pedra da fome"é uma das dezenas de esculturas em rios da Europa Central para marcar seus níveis durante secas históricas e alertar as gerações futuras de fome e dificuldades que provavelmente se seguirão sempre que se tornarem visíveis.

Pesquisadores tchecos em 2013 descreveram a pedra como esculpida com os anos de dificuldades e as iniciais dos autores perdidas para a história, dizendo que expressava que a seca trouxe uma colheita ruim, falta de alimentos, preços altos e fome para os pobres. Outros países afetados pela seca são: Itália e Portugal , onde estão enfrentando os efeitos desse fenômeno climático e já prepararam uma série de iniciativas: por exemplo, seus habitantes devem racionar a água.

3 previsões restantes para 2022

Duas das cinco previsões de Baba Vanga já se concretizaram, e a pior ainda está por vir.

Vírus mortal na Sibéria: um prognóstico altamente possível após a pandemia (ainda afetando a população) de coronavírus. Segundo Vanga, um grupo de pesquisadores descobrirá um vírus mortal na Sibéria que estava "congelado" até agora. Entre outras razões, são mencionados os efeitos devastadores do aquecimento global , que criarão as condições ideais para sua propagação.

"Mesmo aqueles que sobreviverem (calamidades naturais) morrerão de uma doença terrível", profetizou o vidente.

Praga de gafanhotos na Índia : Esta profecia pode ser mais do que uma realidade. O vidente disse que temperaturas acima de 50 ° C farão com que os gafanhotos destruam plantações e campos agrícolas, causando uma fome sem precedentes na região.

A realidade virtual destruirá a raça humana: Segundo Vanga, este ano a humanidade passará mais tempo “na frente da tela” do que nunca. O progresso tecnológico, com especial ênfase na inteligência artificial, será revelado contra o ser humano, se não houver responsabilidade moral em seu uso.


Quem foi Baba Vanga?

Se você ainda está cético sobre as profecias de Baba Vanga , basta ler um pouco sobre sua vida. Seguidores da vidente, assim como aqueles que estudam suas profecias, dizem que a mulher possuía a capacidade de se comunicar com os mortos e “entender” o futuro global. O chamado Nostradamus dos Balcãs conhecia o destino das pessoas e o curso dos acontecimentos através do contato com espíritos.

Quando a vidente era apenas uma menina de 12 anos, um incidente mudou sua vida para sempre: um estranho tornado a empurrou a 400 metros de distância, onde foi encontrada após uma longa busca. Seus olhos estavam cobertos de areia e poeira, tanto que desde então ele não consegue abri-los por causa da dor que isso lhe causou. Foi assim que Vanga ficou cega, mas sua capacidade de "ver" o futuro se aprofundou misteriosamente.

Como não registrou suas previsões por escrito, suas profecias foram passadas de boca em boca, assim como sua reputação de vidente: em 1939 ele previu o início e o fim da Segunda Guerra Mundial, em 1979 a dissolução da União Soviética; E suas profecias para 2018 mencionavam a China como potência mundial. No entanto, a previsão mais surpreendente foi a que ele fez em 1989 , quando falou sobre o ataque às Torres Gêmeas: “Dois pássaros de metal colidirão com irmãos americanos, lobos rugirão dos arbustos e o sangue de inocentes fluirá do rios”. O que aconteceu agora é história.

Vamos torcer para que desta vez ele esteja errado com suas profecias , para o bem da humanidade.

As profecias restantes de Baba Vanga serão cumpridas até 2022?





domingo, 21 de agosto de 2022

Conheça alguns lugares mais horripilantes do mundo!!!

 


Em todas as cidades, existem lugares macabros recheados de histórias contadas por moradores locais. Seja um parque, uma casa abandonada ou uma ponte ferroviária que vem com uma lenda sombria, esses são locais que parecem ter saído de um livro de terror. E claro, para os fãs do desconhecido, por que não fazer um tour por esses lugares macabros do mundo que você não conhecia?

1. Rua de la Roquette, na França


A Rua de la Roquette, em Paris, França, ficou marcado como o local onde ficava a guilhotina da cidade, na antiga Prisão de la Roquette. Cerca de quase 70 pessoas foram condenadas e mortas no local entre 1851 e 1899. Deve-se tomar cuidado ao andar por essa “inofensiva” rua.

2. Ilha Bunce, na Serra Leoa


A Ilha Bunce, localizada no continente africano, foi um dos principais locais de processamento de pessoas escravizadas que eram enviadas até as colônias. Mas que em 1840, foi abandonado. Hoje, o lugar é aberto para turismo, entretanto se você der de cara com fantasma de alguém que passou por lá, ninguém será responsável.

3. Castelo de Himeji, Japão


O Castelo de Himeji, que aparentemente é apenas um clássico castelo japonês, na verdade, é repleto de histórias sobre um folclore assustador. O poço do castelo é assombrado pelo fantasma da serva Okiku, acusada injustamente de roubo, e jogada dentro do poço.

4. Caverna Davelis, Grécia


A Caverna Davelis ou Penteli, localizada na Grécia, foi local de adoração para o deus Pã e às ninfas e também lugar onde ficava a igreja cristã São Spyridon e São Nicolau. Entre outras histórias que envolvem a caverna, há também a lenda de que, há um tesouro escondido da Guerra Fria.

5. Seacliff Lunatic Asylum, Nova Zelândia



O asilo abandonado Truby King Recreation ou Seacliff Lunatic Asylum, na Nova Zelândia, é um lugar tanto quanto assustador. Já que muitas pessoas morreram de diferentes maneiras misteriosas e até mesmo sendo local de um incêndio. Dizem que o lugar é assombrado justamente pela dor e pelos crimes dos pacientes que morreram lá.









sexta-feira, 19 de agosto de 2022

Courteney Cox atriz de "Friends" relata em programa vender sua casa devido a presença de espíritos

 


Ao falar sobre Hollywood, a maioria das pessoas pensa em sol sem fim, palmeiras e luxo. Mas até Hollywood tem seu lado mais sombrio. Acontece que muitas celebridades viram ou experimentaram ocorrências sobrenaturais e não têm medo de compartilhar suas histórias de fantasmas da vida real. No entanto, eles não apenas tiveram experiências aterrorizantes durante as filmagens, mas também em suas próprias casas. Este foi o caso da atriz americana Courteney Cox.

Fantasma de Cox
A atriz Courtney Cox afirma que vendeu sua casa em Los Angeles por causa da presença particularmente misteriosa de um fantasma . A estrela de Friends compartilhou a história perturbadora durante uma entrevista no Jimmy Kimmel Live! 

Enquanto discutia sua nova série de terror/comédia Shining Vale, Jimmy Kimmel perguntou a Cox se elaa acredita em fantasmas ou se ela teve alguma experiência com espíritos. A atriz respondeu que sim, mas a princípio não acreditou e depois  lembrou de um incidente bastante arrepiante que a fez mudar de ideia.

De acordo com Cox, o incidente ocorreu em sua antiga casa em Los Angeles, localizada no bairro de Laurel Canyon, que pertencia à cantora e compositora Carole King. Quando o lendário artista visitou a atriz em sua nova casa, o ex-proprietário da casa indicou que era o centro de um divórcio contencioso e, aparentemente, como resultado, havia um fantasma na casa. Assim, os habitantes da casa logo começaram a experimentar atividades perturbadoras.

"Então Carole King veio à minha casa e disse que havia um divórcio muito feio e que havia um fantasma na casa", disse Cox. "Mas outras pessoas que ficaram lá comigo, como amigos meus, disseram que tiveram um encontro com uma mulher que estava sentada na beira da cama."

Surpreendentemente, King posteriormente retornou à casa para realizar uma sessão , presumivelmente esperando ajudar o espírito a atravessar e deixar a residência.

Ainda cética em relação à estranha situação, Cox admitiu que finalmente se tornou crente depois de uma visita aterrorizante de um entregador. No processo de entrega de um pacote, o homem perguntou à atriz se ela sabia que sua casa era assombrada. Confusa com a pergunta, Cox perguntou como ele sabia de tal coisa, e o entregador respondeu "porque há alguém atrás dela".

“Eu estava em casa um dia, não sendo crente”, lembrou a atriz. “E a campainha tocou. Era um cara da UPS ou algo assim, e eu abri a porta e ele disse: 'Você sabia que esta casa é mal-assombrada?' E eu digo: 'Sim, por quê? Porque pensas isso?' Ele diz: 'Porque há alguém atrás de você.' E eu fiquei tipo, vamos vender."

Depois de um choro compreensível do público presente no set, a atriz lamentou que nunca mais se sentiu confortável dormindo sozinha na casa, então decidiu vender a casa por causa do colega de quarto indesejado e sobrenatural.

Courteney Cox se junta à lista de celebridades que tiveram encontros com fantasmas , que inclui Miley Cyrus , Cher , Matthew McConaughey, Ryan Gosling, Lucy Liu e até o próprio Keanu Reeves . Este último disse que viu um fantasma quando criança enquanto morava em Nova York. Como o lendário ator explicou, ele viu claramente uma jaqueta entrando pela porta, sem corpo, sem pernas. Mas o mais surpreendente é que o pequeno Reeves não tinha medo do fantasma. Mas ele sempre sustentou que foi uma experiência real.

Você compararia uma casa mal-assombrada, incluindo fantasmas?

                                                          Assista o vídeo:


quarta-feira, 17 de agosto de 2022

Mistério!!Aldeia italiana é atormentada por estranhos incêndios


Há mais de dez anos atrás, os moradores da aldeia siciliana de Canneto di Caronia, na Itália, tiveram que lidar com inúmeros incêndios misteriosos. Sem nenhuma explicação, os locais presenciaram a combustão espontânea de colchões, camas, carros, geladeiras e até mesmo telefones celulares.

Na época, os episódios atraíram a atenção de geólogos, físicos e vulcanólogos. No entanto, nenhum dos profissionais conseguiu fornecer uma explicação científica para os bizarros fenômenos.

Naturalmente, os moradores começaram a se apoiar em teorias que fogem um pouco da lógica. Alguns até buscaram justificativas com base na religião, culpando poltergeists e demais forças demoníacas.


Tudo começou em janeiro de 2004, quando, sem nenhuma causa aparente, eletrodomésticos, inclusive fogão e aspirador, começaram a pegar fogo. Com o intuito de tentar cessar os incêndios, a companhia elétrica local cortou o fornecimento de energia. A atitude, no então, foi em vão.

Consequentemente, a aldeia foi evacuada. Sem a presença dos moradores, o governo instaurou uma investigação. O ato também não funcionou. Os especialistas e autoridades não conseguiram descobrir o que provocava os incêndios e o problema se manteve.

Mesmo com a chegada de vulcanólogos do Instituto Nacional de Geofísica e Vulcanologia e de uma equipe de especialistas da Marinha italiana, as chamas seguiram aparecendo. Meses se passaram e, como a aldeia estava vazia, os incêndios deram uma trégua. No entanto, quando os moradores retornaram, as chamas eclodiram novamente.

Basicamente, os aldeões tiveram que aprender a conviver com o inexplicável problema. Como se os incêndios não fossem suficientes, outros eventos passaram a aterrorizar os locais. Canos começaram a jorrar água, espelhos se reduziam em pedaços e uma plantação inteira de berinjelas foi comprometida.

Nesse tempo, houve também relatos de aparelhos de ar condicionado que derreteram espontaneamente, vidros de carros implodiram, discos rígidos foram apagados e os portões automáticos de algumas residências começaram a abrir e fechar aleatoriamente. Além disso, muitos animais morreram.

Um ano depois

Em abril de 2005, o governo italiano criou uma Força-Tarefa especial. Oficiais de alta patente do exército, engenheiros, arquitetos, geólogos e físicos se reuniram para investigar a situação que assombrava a aldeia.

O grupo, incansavelmente, vasculhou toda a área. Mesmo assim, os resultados foram inconclusivos. Em 2007, um jornal italiano publicou um relatório do Departamento de Proteção Civil. De acordo com o documento, os incêndios eram causados por ‘alienígenas’, pois os focos eram ocasionados ‘por emissões eletromagnéticas cuja potência variava entre 12 e 15 gigawatts. A investigação foi encerrada um ano depois.

Na ausência de evidências tangíveis, os moradores da aldeia voltaram a crer em teorias sobrenaturais. O conselheiro de saúde e segurança da Sicília, Vittorio Alfieri, disse em uma entrevista que os incêndios foram causados ​​por ‘uma entidade’ que ‘se transfere de uma casa para outra’.

“Uma casa no térreo pegou fogo e, então, foi o fogo mudou-se para uma casa próxima”, explicou.

Como o fogo não cessava, os locais foram evacuados novamente. As inúmeras teorias pairam até hoje sobre a região. E o motivo segue desconhecido. Há quem acredite que os incêndios eram causados por um único morador, mas ninguém conseguiu provar.

                                                        Assista o vídeo